Início
>
Família
>
Como celebrar o Dia de S. Valentim com as crianças

Como celebrar o Dia de S. Valentim com as crianças

Como celebrar o Dia de S. Valentim com as crianças
S. Valentim com as crianças
Crédito da Imagem: 1

Desenganem-se aqueles que pensam que o dia de S. Valentim é só para os adultos apaixonados. O amor, tratando-se de um sentimento universal e transversal a todas as idades, deve ser vivido e expressado por todos – pelo que, se tem filhos e não encontra forma de passar o Dia de S. Valentim a dois, aproveite as nossas ideias para o comemorar em família! 

Prepare um jantar romântico

Isso mesmo! Romântico e com tudo o que é suposto: ponha aquela toalha especial, prepare uma refeição digna da mesa de qualquer restaurante gourmet, espalhe velinhas pela sala, baixe a intensidade da luz e ponha música ambiente a tocar. Claro que na mesa vão estar crianças a rodear o casal apaixonado mas, o pior que pode acontecer é tê-las a embirrar uma com a outra ou ver a toalha manchada pelos copos de sumo que tradicionalmente se entornam por mãos mais pequeninas. Desvalorize! Eles, os filhos, são precisamente a maior prova do vosso amor!  

Faça uma visita guiada à vossa relação

Todas as crianças têm curiosidade sobre a forma como os pais se conheceram e começaram a namorar. Por isso, reúna tudo aquilo que marca o início e a evolução da vossa relação: as primeiras cartas trocadas, as fotografias e os vídeos das primeiras viagens a dois, o filme do casamento, os presentes que foram oferecendo ao longo do tempo… Os miúdos vão adorar fazer esta visita guiada à relação dos pais e acredite que estas recordações vão dar azo a um Dia de S. Valentim muito divertido! 

Volte ao lugar do vosso primeiro beijo

Lembra-se onde beijou pela primeira vez a sua cara-metade? Não interessa se foi num jardim com uma vista paradisíaca ou num centro comercial – leve lá os seus filhos, reproduzem o primeiro beijo e peça às crianças que registem o momento, tirando o máximo de fotografias! Depois, até pode aproveitar as melhores e mais divertidas para emoldurar lá em casa… uma recordação amorosa do Dia de S. Valentim em família! 

Estimule a imaginação dos mais novos

Os seus filhos já sabem escrever e adoram fazer trabalhos manuais? Então convide-os a preparar uma surpresa para os pais! Eles vão poder dar largas à criatividade para retratarem a história dos pais através de contos, fotografias, vídeos, desenhos ou montagens! Mas tudo deve ficar no segredo dos deuses até ao Dia de S. Valentim – só aí os mais novos poderão mostrar a forma como percebem o amor dos pais! 

Adoro-te!

Já se pratica, em muitas escolas, o hábito de trocar postais no Dia dos Namorados. Mesmo que não seja hábito na escola dos seus filhos, incuta-lhes esta ideia: é importante que eles aprendam desde pequenos a cultivar o amor pelo próximo (seja familiar ou amigo) e a saber manifestá-lo. Por isso, ajude-os a preparar um postal diferente e criativo para oferecerem aos amigos da escola no Dia de S. Valentim. Se os seus filhos forem mais tímidos, mantenham o anonimato e ajude-os a descobrir de que forma podem introduzir os postais nas mochilas dos amigos sem ninguém ver! Afinal de contas, o amor está cheio de boas surpresas! 

Organize a festa do amor

Tratando-se de um dia comemorado por este mundo fora, porque não organizar um encontro com casais que sejam do vosso núcleo próximo? Os avós, os tios, os padrinhos, os amigos e, quem sabe, até o namoradinho da sua filha de três anos. A regra é só uma: todos os casais têm de levar uma declaração de amor para fazer ao seu parceiro! Prometem-se horas de romance, embaraço e diversão total… para miúdos e graúdos! 

Torne-os cúmplices de uma loucura!

Enquanto casal, já sabem o amor que sentem um pelo outro, mas nunca é demais manifestá-lo: sobretudo num dia como o de S. Valentim! Por isso, torne as crianças suas cúmplices e organizem, a várias mãos, uma surpresa para o seu parceiro. Mas daquelas em grande! Porque não escrever centenas de post-its com a palavra “amo-te” e colá-los no automóvel (secretamente, claro!), para ele/ela ter uma surpresa quando se preparar para ir trabalhar? Mas se vir que isto pode dar mau resultado (nem toda a gente tem bom feitio matinal…), peça aos seus filhos que ajudem a preparar um bouquet de flores ou um cesto de guloseimas e mande entregar no emprego do seu parceiro. As crianças vão adorar fazer parte de tudo o que é secreto e romântico… 

E depois disto tudo…

Bom, depois disto tudo, o casal tem direito a um momento a dois! Depois de deitar as crianças, chegou a hora de os pais comemorarem sozinhos o Dia dos Namorados e de recordarem os bons momentos que já passaram juntos… agora acompanhados pelo amor dos filhos!

Classifique o artigo